Dieta é uma merda, mas dá pra enganar: Bife de berinjela

Fazer dieta é uma merda.

O que dizer da vida sem manteiga, azeite, queijos amarelinhos e macios? E pão então? Cerveja, vinho, macarrão, costelinha de porco, copa lombo, torresmo, o porco inteiro. Maionese, béarnaise, almondega, misto quente transbordando de recheio. Um prato sem fim de arroz, feijão, ovo frito e carne moída, leite de coco. Sorvete, meu deus. sorvete! Chocolate, baunilha, doce árabe, fio de ovos, doce de leite, de figo verde em calda, queijadinho, pudim de leite.

Enfim….

Com a dieta, tudo isso meu chapa, tudo isso já era! Bom, pelo menos enquanto você for fiel a ela e não acabar devorando de pijama, no meio da noite enquanto ninguém olha, um pudim de leite inteiro ou um strogonoff gelado, mas ainda sim bom pra cacete.

Mas calma, não precisa entrar em depressão e correr por Lexotan com vodca. Você ainda pode se salvar! Claro, não vai ser a mesma coisa que uma feijoada com todos os acompanhamentos ou aquela pizza transbordando de mussarella. Mas dá pra enganar bem.

E qual o segredo pra não se inforcar com um cinto!? Só usar a imaginação! Com ingredientes simples, mas cozinhando de uma forma um pouco diferente das famigeradas e toscas dietas que nós vemos por aí, você consegue um resultado bastante decente, como esse bife de berinjela.

Bife de berinjela

Ingredientes:

– 1 berinjela pequena

– 1 cebola pequena

– 3 propecia online dentes de alho

– 1 ovo caipira (por que você não quer comer todos aqueles hormônios do ovo comun)

– 1/2 pimenta dedo de moça

– Azeite de oliva extra virgem a gosto

– Salsinha a gosto

– Sal a gosto

Modo de preparo:

Bom, antes de começar a picar os vegetais como se não houvesse amanhã, vamos a reflexão que vai fazer a receita dar certo: Pra que você consiga ter um bife a partir de uma berinjela (o que parece ser improvável) todos os ingredientes tem que estar em pedaços pequenos.

Não precisa ser microscópico, claro, mas ao misturar todos eles você tem que ter uma massa firme, uma pasta que possa ser moldada no formato de um bife. Não vale colocar farinha de trigo, miolo de pão, muito menos farinha de rosca pra dar o ponto certo, afinal, aí não seria mais uma dieta e você estaria liberado pra bater aquele virado a paulista, no buteco da esquina.

Tendo isso tudo na cabeça, corte primeiro a berinjela em cubos pequenos…

e depois a cebola, picando também no mesmo temanho. Aqueça então uma frigideira com um pouco de azeite de oliva extra virgem e frite, em fogo alto, a cebola até que ela começe a pegar uma cor.

Já tá douradinho? Junte o alho bem picado e frite por mais alguns minutos, até que ele fique da mesma cor que a cebola.

Com todo mundo na mesma cor dentro da panela, é hora da berinjela!

Como o cebola e o alho, frite a berinjela em fogo alto até que ela fique bem tostada. Desligue então o fogo e reserve a mistura dentro de um recipiente.

Deixe esfri clomid online ar um pouco e junte o ovo e a pimenta dedo de moça bem picada. Termine temperando com sal a gosto….

e juntando a salsinha, também bem picada.

Misture todos os ingredientes até formar uma pasta homogênea, e em uma frigideira com fogo alto, com a ajuda de uma colher, molde um bife com a mistura.

Frite dos dois lados até que o bife ganhe uma textura firme, porém macia, e finito!

Tá bom, eu sei que o resultado não é um bife de tira sangrando ou uma bisteca com dois dedos de altura, mas garanto, o resultado é bem gostoso. Até parece – eu disse “parece” – carne.

Biodinâmico não é só vinho não…

Ontem quando vi a notícia de que os alimentos orgânicos não contem nutrientes a mais e assim não fazem nem mais, nem menos bem para a nossa saúde, fiquei um pouco chateado com a forma de como a notícia estava sendo mostrada. Parecia que todos nós tínhamos sido enganados a vida inteira por uma falsa promessa de uma vida mais equilibrada e saudável.

O qu milf porn e muita gente se esquece é que estamos ajudando em primeiro lugar o planeta, não despejando na sua terra e água agrotóxicos escabrosos. Não estamos forçando a natureza a fazer algo de forma acelerada, mal-acabada, respeitando o tempo correto de crescimento e maturação dos vegetais. Estamos consumindo conscientemente, gerando uma renda adequada a todos aqueles que participam no ciclo de produção.

Combinando alguns aspectos da agricultura orgânica, a agricultura biodinâmica sugere uma interação entre a terra, o homem e o espaço. Todas as buy levitra online características do cultivo orgânico estão lá: A utilização de uma elevada diversidade biológica que minimiza o desenvolvimento de pragas e doenças, o uso de um sistema de rotação de culturas – ou seja, não se planta sempre a mesma coisa – além de uma fertilização orgânica. O uso de agrotóxicos ou qualquer substância química ou sintética é repudiado.

O que diferencia a cultura biodinâmica é que além das ações físicas, são tomadas ações de procuram equilibrar a terra e os elementos do universo. São utilizados preparados biodinâmicos que podem conter quartzos moídos, além de flores e ervas para tratar do solo e das plantas de uma forma geral. Um composto animal é usado como fertilizante, além de um calendário astrológico para escolher os momentos ideais para realizar as atividades agrícolas. Todo o espaço de tempo entre o tratamento da terra, o plantio e a colheita é rigorosamente respeitado, promovendo assim através dos alimentos, uma união e integração íntima com a natureza.

Mesmo morando clomid online aqui em São Paulo você consegue achar produtos biodinâmicos com tranqüilidade. Já é famosinha a feira que acontece todas as quintas-feiras das seis e meia da manhã até a uma da tarde, na rua São Benedito no Alto da Boa Vista. A rua é meio escondidinha, fica ali ao lado de um convento, entre as ruas Alexandre Dumas e Américo Brasiliense. Muito produtores locais, guloseimas de sítio, além daquela experiência bacana de poder falar com quem planta, conversar sobre ingredientes e trocar receitas.

Pra ser propecia online sincero eu nunca preparei nada só com alimentos biodinâmicos, só mesmo com orgânicos, mas vale e muito, uma tentativa.

chefaporter.com.br buy priligy | powered by WordPress with Grace Comunicação